Buscar
16/12/2020

Campanha de Solidariedade distribui alimentos agroecológicos para 6 mil pessoas

Entre os dias 16 e 18 de dezembro, acontece mais uma etapa da Campanha de Solidariedade da Rede Bico Agroecológico. 200 cestas agroecológicas serão distribuídas em Esperantina, Buriti, Axixá, São Miguel, Praia Norte e Carrasco Bonito. Com essa ação, a campanha atingirá cerca de 2 mil famílias da região. As comunidades de São Miguel e Axixá foram as primeiras a receber as cestas.

As cestas são compostas por alimentos produzidos por agricultores familiares e quebradeiras de coco, como tapioca, polpas de fruta, farinha de mesocarpo, farinha de mandioca, feijão e azeite de coco babaçu e serão distribuídas para famílias em situação de vulnerabilidade. Todos os itens da cesta são cultivados livres de agrotóxicos.

Integrante da ASMUBIP entrega cesta agroecológica para um casal. Eles estão em frente à uma casa de taipa, todos os três utilizam máscara.

Entrega das cestas agroecológicas nas comunidades de Axixá. Foto: RedeBico

Em um ano atípico, marcado pela pandemia de coronavírus e das restrições de circulação para conter o avanço do vírus, organizações de agricultores familiares e quebradeiras de coco se reuniram para realizar uma Campanha de Solidariedade que se desenvolveu em dois eixos. O primeiro é o fornecimento de cestas de alimentos agroecológicas e kits de higiene para famílias em situação de vulnerabilidade agravada pela pandemia. O segundo eixo é o fortalecimento dos agricultores familiares e quebradeiras de coco do Bico do Papagaio, que também foram afetados.

A coordenadora da Associação Regional das Mulheres Trabalhadoras Rurais do Bico do Papagaio (ASMUBIP), Maria do Socorro Teixeira, ressalta a importância dessa ação para todos os beneficiados. “Foi muito bom para os agricultores, que venderam a sua produção, já que não puderam mais ir para a feira vender e principalmente para as famílias que receberam, já que com a pandemia, muita gente perdeu o emprego, e ficou sem ter como comprar alimentos. Nós entregamos alimentos agroecológicos, cultivados sem nenhum veneno, alimentos saudáveis e de qualidade”, ressalta.

Nesta etapa da Campanha, as cestas priorizaram a produção extrativista e tiveram apoio financeiro do Conselho Nacional das Populações Extrativistas – CNS/Memorial Chico Mendes e do DGM-Brasil/CAA-NM.

Etapas anteriores da Campanha de Solidariedade da Rede Bico Agroecológico

Até a ação iniciada nesta quarta (16), cerca de 2 mil famílias, contabilizando aproximadamente 6 mil pessoas já foram beneficiadas pela Campanha de Solidariedade. As ações contemplaram 48 comunidades de 13 municípios do Bico do Papagaio.

Montagem das cestas em Carrasco Bonito – TO.  Foto: Rede Bico/APA-TO

Para a Campanha de Solidariedade, foram produzidas mais de 20 toneladas de alimentos, com o envolvimento de 22 comunidades e entidades do Bico no fornecimento para a composição das cestas agroecológicas. Aproximadamente 100 agricultores familiares e quebradeiras de coco estiveram envolvidos na produção de alimentos.

Também foram distribuídos kits de higiene, contendo itens importantes para conter o avanço do coronavírus, como sabão líquido, máscara e álcool gel.

A união das entidades foi indispensável para atravessar no ano de 2020, quando todos os planos foram alterados em função da pandemia. “O que deu força pra nós esse ano foi a união. Quando uma entidade chora, a outra chora junto e acha um jeito de ajudar”; complementa Socorro Teixeira.

A maior parte do planejamento da Campanha foi feita de forma remota, com reuniões on-line, como explica Maria Senhora, diretora da Cooperativa de Produção e Comercialização dos Agricultores Familiares Agroextrativistas e Pescadores Artesanais de Esperantina (COOAF-BICO). “A gente fez várias reuniões online, combinando com as organizações, a APA-TO, as associações e as comunidades. Combinava e dividia as tarefas, cada organização assumia suas atividades e entregava no dia certinho. Foi um trabalho bem forte, feito com muito prazer e muita alegria. Foi muita gente que foi movimentado para fazer, todo mundo fez com amor, com coragem e satisfação”, comenta.

Confira aqui como foram as etapas anteriores da campanha

 



Misereor Ford Foundation TFCA Inter America Foundation FBB Cese Brazil Foundation Fundo Amazônia PPP-Ecos Caritas Associação Nacional de Agroecologia Rede Cerrado FAOR Abong DoDesign-s Design & Marketing